Dados oficiais sobre a FM novata da Borborema paraibana

A classe B1 indica que a nova FM em Solânea pode operar com até 3kw (3.000 watts) efetivamente irradiados, uma excelente potência, bem superior as licenças mais comuns do interior do Nordeste que são geralmente classe C, ou seja, são permissões para no máximo 300Watts

.

Operar em 650 metros + altura da torre com tal potência é uma situação que vai garantir um alcance acima de 100km de raio em boa recepção no lado da planície potiguar, no lado paraibano o próprio relevo em altitude vai impedir avanço semelhante, mas mesmo assim uma boa penetração é o que a lógica física aponta na simulação que venho fazendo

Observações :

A talismã FM ( Belém/PB ) opera com 1Kw ( 1.000 watts) capto com facilidade em São José de Mipibu/RN e até mesmo em trechos da zona norte de Natal, Solânea/PB fica praticamente a mesma distância destes pontos que Belém/PB , a Correio da Serra está com seu conjunto transmissor em uma altitude maior e terá direito a 3 vezes mais potência que a vizinha, por isso a boa perspectiva de alcance é reforçada

Rádio Correio da Serra (foto: blog solaneafotos)